Cmara de Santa Luzia arquiva processo de impeachment contra prefeito – Politica

[ad_1]
Prefeito Christiano Xavier foi absolvido pela C
Prefeito Christiano Xavier foi absolvido pela Cmara Municipal de Santa Luzia (foto: Jair Amaral/EM/D. A. Press)
O processo de impeachment do prefeito de Santa Luzia, Christiano Xavier (PSD), foi arquivado pela Cmara Municipal da cidade da Regio Metropolitana de Belo Horizonte. Em sesso conturbada nesta sexta-feira e com durao de mais de seis horas, 11 vereadores foram contrrios ao prosseguimento da ao, enquanto outros cinco queriam a continuao. Houve uma ausncia, justificada.
O prefeito no esteve presente no incio da sesso (comeou por volta das 9h45), mas chegou ao lugar s 12h07. s 13h22, Christiano deixou a Cmara para executar compromissos de agenda solene. Ele retornou em definitivo s 15h47. O patrão do Executivo comemorou a absolvio, logo aps a oficializao do resultado.

"Nossas aes so todas pautadas na legitimidade, na transparncia. Cá foi exclusivamente um jogo poltico de vereadores mal intencionados e em procura de um poder a qualquer preo, na velha poltica do 'toma l, d c'. Foi um lucro cidade, ficou de resposta e de aprendizagem o que uma atitude irresponsvel porquê essa traz de prejuzo e instabilidade a uma cidade", disse, ao Estado de Minas.

Relator da Comisso Processante, Csar Lara Diniz (PCdoB) deu parecer favorvel pela cassao. O vereador comentou o resultado.

"Fica a sensao de obrigação cumprido. Fui sorteado para fazer secção da comisso, fiz o relatrio com afinco, coloquei tudo que achei plausvel. Nossa misso revistar, e o resultado poltico. Importante evidenciar que o julgamento foram de trs infraes, zero sobre o procuração dele. Temos que valorizar algumas situaes deste governo, e estvamos julgando cá somente essa denncia", disse Csar reportagem.

A denncia que poderia levar ao isolamento de Christiano foi aprovada no plenrio na Cmara em 6 de agosto. O “sim” venceu por dez votos a cinco. Quem apresentou a representao contra o encarregado do Executivo foi o jurisperito Abrao Gracco, o mesmo que pediu o impeachment da ex-prefeita Roseli Pimentel (PSB), em novembro de 2017 (ela renunciou ao função em maio de 2018).

Na denncia, o jurisperito defende que Christiano descumpriu a Lei Orgnica ao infringir trs normas: ausentar-se do pas sem autorizao, desrespeitar decreto de calamidade financeira e no utilizar verbas pblicas destinadas sade.


[ad_2]
Manadeira Notícia -> :
Fonte Notícia