Viradela de ano tem quatro homicídios na região metropolitana de BH

[ad_1]

Em um dos casos, suspeitos mantiveram sete pessoas em cárcere privado e pegaram o coche delas para cometer transgressão; foram duas mortes na capital, uma em Betim e outra em Santa Luzia

A região metropolitana de Belo Horizonte registrou ao menos quatro homicídios em 12 horas, entre a noite de terça (31) e a madrugada de quarta (1º). Foram dois casos na capital, um em Santa Luzia e outro em Betim.

Conforme a Polícia Militar, no caso registrado em Betim, um menor de 17 anos foi morto a tiros na madrugada desta quarta (1º), no bairro Vila Cruzeiro, na região do Citrolândia.

Quando os militares chegaram ao lugar, se depararam com a vítima caída e ensanguentada. Os policiais a levaram para um hospital da região, mas o rapaz não resistiu. Na rua em que o menor foi baleado, foram recolhidos cartuchos de 9mm. Um publicado do menor relatou que ele seria usuário de drogas, mas que não teria envolvimento com o tráfico.

Mas, ao irem para a sede do 33º Batalhão para registrar a ocorrência, os militares encontraram sete pessoas que disseram ter sido vítimas de cárcere privado no mesmo bairro onde o jovem foi morto. Segundo relatos dessas pessoas à PM, elas estavam em dois carros quando aproximadamente dez homens armados pararam seus veículos e disseram que queriam os carros para fazer um serviço.

Conforme as vítimas, elas foram mantidas em cárcere em um beco contra a própria vontade sob mira de uma arma por murado de 30 minutos. Em seguida esse tempo, um dos homens chegou gritando “fritei mesmo”, e outro sujeito disse para que as vítimas pegassem os seus carros e saíssem do lugar.

Ainda meio atordoadas, elas foram à Delegacia de Plantão e informaram o ocorrido e, depois, foram até a sede do batalhão da PM para fazer a ocorrência. Elas disseram que não conseguiam informar as características dos autores. Conforme descrito no  boletim de ocorrência da PM, na hora em que o grupo deixava a sede do batalhão, o condutor encontrou projéteis dentro de um dos carros, que foram recolhidos pelos policiais.

Outros casos

Outro homicídio foi registrado no bairro Palmital, em Santa Luzia. Segundo a PM, Deivison Tiago de Sousa, de 24 anos, foi morto a tiros, na quarta (1º). Testemunhas relataram aos policiais que ele estava no interno de uma moradia quando os autores chegaram atirando. Ele tentou passar, mas foi conseguido. Ainda segundo relatos, a vítima estaria proibida de voltar ao lugar porque sofreria ameaço de morte. A perícia contabilizou diversas perfurações na cabeça, tórax e nas nádegas. A suspeita é que o delito tenha relação com desavenças envolvimento o tráfico de drogas.

Na capital

Já na noite de terça (31), por volta das 18h30, um varão foi morto no bairro Vila Marçola/ Aglomerado da Serra, região Sul da capital. Cláudio Vinícius Batista, de 32 anos, foi atingido por diversos tiros. Ele chegou a ser socorrido para o Hospital João XXIII, mas não resistiu.  A motivação e a autoria do delito ainda não desconhecidas.

E no bairro Jaqueline, região Setentrião de BH, Mateus Tavares, de 24 anos, foi assassinado com dois tiros, também na noite de terça (31). Populares relataram à PM que a vítima teria tido uma desavença com um varão da região, e que levante poderia ter envolvimento com o delito. Os militares foram até a morada desse suspeito, mas ele não foi localizado.

A Polícia Social deverá investigar os crimes.


[ad_2]
Manadeira Notícia -> :Fonte Notícia