Portal Santa Luzia Net - Pagina Inicial


Receba Nossas Noticias diretamente no seu email

Jogo com violência sexual não será distribuído no Steam



Kirill KUDRYAVTSEV

Desenvolvedor do
Kirill KUDRYAVTSEV

Um jogo eletrônico no qual o usuário pode “assediar, matar e estuprar mulheres” foi proibido no Steam, a maior plataforma do dedo de venda de jogos no mundo, depois uma série de protestos e uma petição online que reuniu mais de oito milénio assinaturas.

Depois de fazer a promoção do resultado durante várias semanas, antes de seu lançamento em abril, a Steam decidiu não vender o “Rape Day” (“Dia do Estupro”) explicando que o jogo envolve “custos e riscos desconhecidos”.

“Respeitamos o libido de frase de nossos desenvolvedores, e o propósito da Steam é ajudá-los a encontrar um público, mas leste desenvolvedor escolheu um teor e uma forma de representação que torna muito difícil a nossa ajuda para ele”, informa um enviado da Valve, desenvolvedora de plataformas digitais com sede no estado de Washington e proprietário da Steam.

No ano pretérito, a empresa também retirou de sua plataforma o jogo “Active Shooter”, que simulava um troada numa escola.

“Rape Day” é descrito pelo seu desenvolvedor, a Desk Plant, porquê “uma romance visual onde controlamos as escolhas de um sociopata durante um apocalipse zumbi. Podemos agredir verbalmente, matar pessoas e violar mulheres à medida que avançamos na história”.

A notícia do lançamento do jogo gerou várias manifestações contrárias em diferentes países e redes sociais, além de uma petição apresentada pela Change.org com muro de oito milénio assinaturas. Por conta da pressão, a Steam inclusive retirou do ar qualquer tipo de menção ao game.





Nascente Notícia -> :Fonte Notícia

Junte-se ao Nosso Canal No Telegram - -
Junte ao nosso canal no Telegram e participe de todas a publicações em primeira mão -- 1243325

Clique Aqui e Participe Já



Os artigos aqui publicados foram recolhidos pela internet com referência as suas devidas fontes no campo (Fonte) e tem sua responsablidade de seus criadores, caso você se sinta ofendido ou queira a remoção de alguma informação favor entrar em contato conosco aqui



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mude para versão para dispositivos móveis deste site