Varão rouba motorista de app, foge, bate coche, pula em riacho, mas é represado

[ad_1]

Suspeito solicitou corrida, anunciou o assalto à motorista logo depois entrar no carruagem e, segundo a Polícia Militar, ameaçou mulher com uma faca de cozinha e roubou, além do coche, R$ 38

Depois intensa perseguição nas ruas de Santa Luzia, na região metropolitana de Belo Horizonte, entre a manhã e o início da tarde de quarta-feira (24), a Polícia Militar (PM) conseguiu prender um varão de 30 anos suspeito de roubar o carruagem de uma motorista de aplicativo, 28, à avenida Governador Milton Campos, no bairro Chácaras Santa Inês, e ameaçá-la com uma faca de cozinha.

Ele também subtraiu celular dela, carteira e uma quantia de R$ 38. Apesar de ter conseguido levar o carruagem, o suspeito bateu o veículo enquanto fugia da polícia, saiu correndo a pé, atravessou um regato no bairro Baronesa e escondeu-se na varanda de uma residência, onde acabou estagnado.

De convenção com o aspirante Renato de Souza Promanação, da PM, o transgressão foi cometido logo às 11h40 da manhã de quarta-feira. Por meio de um aplicativo de corridas, o suspeito acionou a motorista e, pouco depois de entrar no carruagem para debutar a viagem, anunciou o roubo. “Armado com uma faca ele ameaçou a motorista exigindo que ela passasse quantia, celular e carteira. Ela disse a ele que não tinha e, para intimidá-la, o sujeito passava a faca no braço dela, falando que estaria afiada”, relata.

Segundo contou a motorista à polícia, em notório momento o varão desceu do coche e foi até porta-malas procurar por objetos de valor, momento que a mulher saiu correndo para pedir ajuda. “Nisso, ele entrou no coche e fugiu. Foi quando a PM foi acionada e começou a operação de cerco e bloqueio. Chegando na avenida Europa com rua Oceania (no bairro Baronesa) ele colidiu com outro veículo e foi arremessado contra uma barra de contenção na porta de uma residência”.

Logo em seguida, o varão abandonou o coche suplantado e iniciou uma fuga a pé. “Ele percebeu que a polícia estava por perto, entrou em um regato, atravessou, pulou por duas residências e se escondeu em uma varanda, onde encontramos o suspeito com a faca na cintura”, detalha o aspirante. O carruagem foi renovado, muito porquê os objetos pessoais levados da motorista.

---

Em tempos de desinformação e pandemia, o jornal reforça o compromisso com o jornalismo mineiro, profissional e de qualidade. Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode incumbir. Continue nos apoiando. Assine .


[ad_2]
Manancial Notícia -> :Fonte Notícia