Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]
Portal Santa Luzia Net - Pagina Inicial


Receba Nossas Noticias diretamente no seu email

A copa que abalou Marte

ControlRoom A copa que abalou Marte

Quando o jipe Curiosity pousou em Marte, em 2012, foi a maior comemoração na sala de controles da missão. Uma vitória dos EUA na copa teria gerado a mesma empolgação? (Foto: JPL/Nasa)

UMA SEMANA ATRÁS, na noite do dia em que a seleção dos Estados Unidos perdeu para a Bélgica e foi eliminada da Copa do Mundo, cientistas e engenheiros da Nasa que trabalham no projeto Mars Science Laboratory, do jipe-robô Curiosity, receberam um e-mail com o seguinte texto:

“Caros integrantes da equipe do Mars Science Laboratory,

Para evitar que a rede de computadores sai do ar da mesma forma que ocorreu na última vez em que a seleção dos EUA jogou, por favor sejam solidários com a equipe tática e não assistam a jogos por...

streaming em seu PC ou Mac. Caso queiram assistir a outra partida, por favor dirijam-se a uma das áreas comuns onde há transmissão por TV.

Obrigado,

James Erickson

Gerente de projeto – Mars Science Laboratory

JPL (Laboratório de Propulsão a Jato da Nasa)”

Se alguém duvida que o Brasil esteja sediando a “Copa das Copas”, está aí a prova de que até os americanos foram contagiados pela febre do futebol. E, mesmo entre os americanos, até o estereótipo cientista/nerd/engenheiro passou a ser um sujeito que não consegue perder uma partida.

No e-mail acima, que circulou entre engenheiros e depois vazou para a imprensa, não ficou claro se algum aspecto da missão do Curiosity foi comprometido por causa da queda da rede no JPL. Se alguma coisa atrasou por causa disso, creio, foi por uma boa causa. Marte pode esperar.

Fonte: Teoria de Tudo








Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Mude para versão para dispositivos móveis deste site