Portal Santa Luzia Net - Pagina Inicial


Receba Nossas Noticias diretamente no seu email

Vereadores de Santa Luzia denunciam ameaço de prefeito em seguida Minas Gerais



Três vereadores de Santa Luzia denunciam ter sido ameaçados pelo prefeito Procurador Christiano Xavier (PSD), depois um vídeo do prefeito divulgado em seu perfil em uma rede social.

No último sábado (31), o prefeito fez uma transmissão ao vivo em seu perfil reclamando do processo de cassação do procuração dele que está sob estudo na Câmara. Christiano Xavier cita, nominalmente, os vereadores Sandro Coelho (PSB), César Lara (PCdoB) e Vagner Guiné (MDB).

“Estou revoltado com a palhaçada deste impeachment armado que estão fazendo aí pra gente. Um contra-senso. E montaram uma tal de percentagem processante de três vereador (sic)”, disse o prefeito.

Prefeito de Santa Luzia reclama que é vítima de rasteira política

Prefeito de Santa Luzia reclama que é vítima de rasteira política

O vereador Sandro Coelho (PSB) disse que foi sorteado para ser o presidente da percentagem processante e que esta foi formada porque a Câmara recebeu uma denúncia e pedido de impeachment contra o prefeito. A percentagem processante foi ocasião no dia 6 de agosto e tem 90 dias para indagar a denúncia.

“Nós não temos zero contra o prefeito. Simplesmente, vamos investigar o caso se é verdade ou não”, disse Coelho.

O vereador ainda afirmou que ele e os outros dois vereadores vão se encontrar com um procurador da cidade para registrar um boletim de ocorrência denunciando ameaço do prefeito contra eles.

Segundo Sandro Coelho, a ameaço está caracterizada em uma secção do vídeo publicado pelo prefeito.

“Já que eles estão querendo guerra, vão (sic) pra porrada, vão pro confronto, entendeu? Vão pro pau logo”, disse Christiano Xaiver no vídeo.

Por nota, a assessoria de informação de Christiano Xavier disse que o prefeito também registrou boletim de ocorrência nesta segunda-feira (2) por justificação de ofensas que recebeu de um dos vereadores que compõem a percentagem, mas sem manifestar o nome.

Ainda no texto, o prefeito disse também que “não concorda em ver uma percentagem de impeachment formada somente por adversários políticos”.

E terminou o expedido explicando que na transmissão feita na rede social “somente solicitou que a votação referente ao processo de impeachment ocorra fora do horário mercantil, para que tanto ele quanto a população possam escoltar.

Troca de prefeitos em Santa Luzia

Roseli Ferreira Pimentel — Foto: Reprodução/TV Globo Roseli Ferreira Pimentel — Foto: Reprodução/TV Globo

Roseli Ferreira Pimentel — Foto: Reprodução/TV Mundo

Em setembro de 2017, a logo prefeita de Santa Luzia, Roseli Pimentel (PSDB), foi presa por suspeita de envolvimento na morte de um jornalista da cidade. Maurício Campos Rosa, possuidor do jornal O Grito, foi morto no dia 17 de agosto de 2016.

Oito dias depois, a ex-prefeita também foi mira de mandados em uma operação que investigava fraudes em licitações e meandro de verbas envolvendo a Secretaria Municipal de Saúde.

Mas, em abril do mesmo ano, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MG) já havia cassado a placa de Roseli e Fernando César, vice-prefeito, e desta decisão coube recurso.

A saída definitiva de Roseli Pimentel se deu somente em maio de 2018, quando ela renunciou ao incumbência. Fernando César também renunciou. A resguardo de Roseli sempre sustentou que ela é puro das acusações.



Manancial Notícia -> :Fonte Notícia

Junte-se ao Nosso Canal No Telegram - -
Junte ao nosso canal no Telegram e participe de todas a publicações em primeira mão -- 1243325

Clique Aqui e Participe Já



Os artigos aqui publicados foram recolhidos pela internet com referência as suas devidas fontes no campo (Fonte) e tem sua responsablidade de seus criadores, caso você se sinta ofendido ou queira a remoção de alguma informação favor entrar em contato conosco aqui



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mude para versão para dispositivos móveis deste site