Portal Santa Luzia Net - Pagina Inicial


Receba Nossas Noticias diretamente no seu email

Varão é recluso suspeito de matar o próprio pai a facadas em Santa Luzia



Quando os policiais chegaram ao lugar, o fruto da vítima estava com duas facas na mão, muito ansioso, e dizendo frases sem sentido

Um varão de 41 anos foi recluso na manhã desta quarta-feira (13) suspeito de matar o próprio pai, um idoso de 74 anos, em Santa Luzia, região metropolitana de Belo Horizonte.

Segundo a Polícia Militar (PM), uma testemunha informou que viu a vítima, Jocedir Lacerda, na lajeada da lar, que fica no bairro Cristina, pedindo socorro e sangrando muito. Já o fruto do idoso estava com duas facas na mão e bastante frenético.

Quando os policiais chegaram ao lugar, o suposto responsável estava na garagem da mansão com as armas brancas, e pronunciando frases desconexas. Em seguida conversar com os militares, ele resolveu se entregar, largou as facas no pavimento e abriu o portão, que estava trancado.

Tanto o fruto, quanto o pai, foram encaminhados para Unidade de Pronto Atendimento (UPA) São Benedito, no mesmo município. Durante o atendimento, o idoso acabou vindo a óbito. Um médico do meio de saúde atestou que o provável delinquente não apresentava surto psicótico, recebeu subida e foi levado para a delegacia.

Ainda segundo a PM, a vítima teve diversas perfurações pelo corpo, porquê na região do tórax, antebraço recta, pescoço e no dorso. A perícia da Polícia Social realizou trabalhos no lugar do transgressão, que posteriormente foi liberadopara a namorada do idoso.



Manancial Notícia -> :Fonte Notícia

Junte-se ao Nosso Canal No Telegram - -
Junte ao nosso canal no Telegram e participe de todas a publicações em primeira mão -- 1243325

Clique Aqui e Participe Já



Os artigos aqui publicados foram recolhidos pela internet com referência as suas devidas fontes no campo (Fonte) e tem sua responsablidade de seus criadores, caso você se sinta ofendido ou queira a remoção de alguma informação favor entrar em contato conosco aqui



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mude para versão para dispositivos móveis deste site