Portal Santa Luzia Net - Pagina Inicial


Receba Nossas Noticias diretamente no seu email

Após prefeita ser presa, novidade eleição em Santa Luzia MG tem candidaturas repetidas

Após prefeita ser presa, nova eleição em Santa Luzia MG tem candidaturas repetidas

Com eleição marcada para o próximo dia 24, a cidade de Santa Luzia, na região metropolitana de Belo Horizonte começa a entrar, em ritmo lento, no clima eleitoral. Apesar de a campanha estar autorizada desde o dia 2 de junho, de combinação com o calendário do Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG), moradores da cidade relatam que não têm visto, até portanto, nenhuma movimentação de campanha política na cidade. “As pessoas sabem quem são os candidatos, pois a maioria já se candidatou em outras eleições. Mas, nas ruas, não vemos propagandas eleitorais, ainda não estamos sentindo o clima de eleição”, contou a luziense Mariana Viana. A estudante Paula Dolabella contou que nesta semana começou a receber mensagens de campanha via WhatsApp.

 

20171120082017521431e1 Após prefeita ser presa, novidade eleição em Santa Luzia MG tem candidaturas repetidas
Após prefeita ser presa, nova eleição em Santa Luzia MG tem candidaturas repetidas

Após prefeita ser presa, nova eleição em Santa Luzia MG tem candidaturas repetidas

Na última sexta-feira, o candidato mandatário Christiano Xavier (PSD) lançou sua candidatura ao lado do vice da placa, Pastor Sérgio (PSL) em um evento no comitê mediano. Nas eleições de 2016, Xavier ficou em segundo lugar, com 29% dos votos. Quem também participou do último pleito e tenta novamente assumir a cadeira de superintendente do Executivo na cidade são o tucano Aguinaldo Campos,...


que na última disputa ficou em terceiro lugar, com 18% dos votos, e o socialista João Rasgado (PSOL), que teve 15% dos votos.

Também participa da corrida eleitoral o professor de direito constitucional Abraão Gracco (Rede). Em novembro de 2017, ele entrou com o pedido de impeachment junto à Câmara Municipal da ex-prefeita Roseli Pimentel (PSB). Pelo PT, a candidata é a vereadora Suzane Duarte Almada.

S prefeito interino da cidade, Sandro Coelho (PSB), também tenta a reeleição. Ele comanda a prefeitura desde outubro de 2017, quando deixou seu função de presidente da Câmara em seguida o TRE prescrever retraimento da prefeita e de seu vice, Fernando César Nunes Resende Vieira (PRB), por desfeita de poder econômico e captação e gasto ilícito na campanha.

Coelho já havia, antes disso, em junho, ficado por 14 dias porquê prefeito da cidade, quando a placa foi afastada pela primeira vez. No entanto, Roseli conseguiu uma liminar no TSE e voltou ao missão. Porém, em setembro de 2017, a prefeita foi presa por suspeita de mandar matar um jornalista do município.

Após isso, o vice Fernando César ficou no comando da cidade até o final de outubro, quando o TRE-MG determinou a volta de Sandro Coelho.

No mês pretérito, Roseli renunciou um dia antes da data em que seria ouvida pela Comissão Processante do Impeachment, na Câmara. Por meio de uma missiva, ela alegou ser “puro e disse não ter mais condições de lutar”. Já o vice-prefeito renunciou, um mês antes dela, em abril. (Ana Luiza Faria)

 

Fonte: S Tempo








Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Mude para versão para dispositivos móveis deste site