Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]
Portal Santa Luzia Net - Pagina Inicial


Receba Nossas Noticias diretamente no seu email

Câmara de Santa Luzia MG instaura processo de impeachment contra prefeita

Câmara de Santa Luzia MG instaura processo de impeachment contra prefeita

Roseli Pimentel está em prisão domiciliar, acusada de envolvimento com o homicídio de um jornalista. Cidade já teve três prefeitos este ano

 

S Câmara Municipal de Santa Luzia recebeu nesta terça-feira, 14 de novembro, com os votos de 14 dos 15 vereadores presentes em plenário, o pedido de impeachment protocolado na semana passada contra a prefeita afastada, Roseli Pimentel (PSB). Foi instaurada uma percentagem privativo processante e sorteados os vereadores Neilor Cabral (Pros), Silmario (PTN) e André Leite (PSDB) para conduzirem a instrução do processo.

roseli pimentel prefeitura santa luzia 300x168 Câmara de Santa Luzia MG instaura processo de impeachment contra prefeita
Câmara de Santa Luzia MG instaura processo de impeachment contra prefeita

Câmara de Santa Luzia MG instaura processo de impeachment contra prefeita

S iniciativa do pedido de impeachment foi do jurista e professor universitário  Abraão Soares Gracco, com base no Decreto-Lei Nº 201, de 27 de Fevereiro de 1967. Roseli Pimentel é acusada de envolvimento com o homicídio do jornalista  Maurício Campos Rosa, do jornal “S Grito”,  e de ter usado recursos públicos para remunerar o executor. Ela cumpre prisão domiciliar. S seu vice, Fernando César, também está retirado da gestão por processo eleitoral. Neste momento, assumiu a prefeitura municipal, que já teve dois afastamentos e reconduções da prefeita este ano, o presidente da Câmara Municipal, Sandro...


Coelho.

“S processo de impeachment está agorae m período de instrução, na percentagem peculiar processante. A cidade vive grande instabilidade”, considera o vereador César Lara Diniz (PCdoB). Serão arroladas testemunhas, os processos criminal e eleitoral também fazem secção das acusações do processo de impeachment.
Prisão

 

Roseli Pimentel foi presa em 7 de setembro, por suspeita de envolvimento com a morte do jornalista em agosto do ano pretérito. Ela estava presa no Complexo Penitenciário Feminino Estevão Pinto, em Belo Horizonte. A prefeita afastada é acusada de ter pago R$ 20 mil pela realização do homicídio e para isso, teria desviado recursos destinados á merenda escolar, simulando uma nota fiscal para a obtenção de três toneladas de mamão.

Roseli teve o procuração cassado cinco vezes este ano por processo eleitoral. Mas retornou ao incumbência por motivo de liminares. Ela e o vice-prefeito, Fernando Rezende, são acusados de captação ou gasto ilícito de recursos financeiros na campanha eleitoral.
Roseli já havia sido condenada em primeira instância por desfeita de poder político e ecômico: ela foi considerada culpada de ter determinado, por meio de mensagens enviadas por celular, que diretores de escolas municipais influenciassem pais de alunos durante as eleições.

Segundo a juíza eleitoral Arlete Aparecida da Silva Coura, Roseli teria se aproveitado de sua influência política e dos recursos municipais para propiciar a sua candidatura. A prefeita é acusada de ter determinado, por meio de mensagens enviadas por celular, que diretores de escolas municipais influenciassem pais de alunos durante as eleições.

 

Fonte: EM

 








Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Mude para versão para dispositivos móveis deste site